Homem é preso suspeito de incendiar casa da ex-mulher

homem-preso-suspeito-de-incendiar-casa-da-ex-mulher

 

O ex-marido ainda amarrou cordas nas colunas da residência e na traseira da caminhonete, para destruir o que havia restado após o incêndio.

Um homem foi preso na manhã desta sexta-feira (24), suspeito de destruir e incendiar a casa da ex-mulher, no bairro Cidade Beira Mar em Rio das Ostras.

Segundo informações da Polícia Civil, por volta das 10h da manhã, os policiais receberam a denúncia do incêndio e foram informados que o suposto autor do crime estaria no local, utilizando sua caminhonete de cor branca, para destruir a residência da ex-mulher. Os policiais foram ao local, mas o suspeito havia fugido. Após buscas pelo bairro, a equipe da 128ª DP encontrou o homem em sua caminhonete, ele estava em um lava jato, a duas quadras do local do fato. O homem foi preso em flagrante e conduzido à 128ª Delegacia de Polícia de Rio das Ostras onde o crime foi registrado.

Em depoimento ex-mulher conta motivação do crime

A vítima de 34 anos foi casada com o suspeito durante 17 anos. Em depoimento ela relata que terminou o relacionamento com o ex-marido em agosto de 2015, quando foi agredida pelo mesmo. A mulher disse que o ex-companheiro era agressivo e ficava ainda mais violento quando ingeria bebida alcoólica. Após a separação, eles venderam a casa onde ambos moravam e o ex-marido ficou com parte do dinheiro e a caminhonete, acordo que foi registrado em cartório.

A mulher disse que após a separação, o ex-marido queria reatar o relacionamento, mas ela não aceitava. Inconformado com a situação, o suspeito chegou a ameaçá-la várias vezes por mensagens de texto, e um dia antes do crime, mandou um SMS dizendo que iria atear fogo na residência onde ela morava.

Com medo do ex-marido, a vítima dormiu na casa da irmã, e ao chegar no outro dia em sua residência, flagrou parte da casa incendiada e o ex-companheiro amarrando cordas nas colunas da residência e na traseira da caminhonete, para destruir o que havia restado após o incêndio.

Testemunhas ainda relataram em depoimento, que o suspeito era violento e gostava de andar armado. O homem foi indiciado pelos crimes de Incêndio e dano qualificado. O caso segue sendo investigado pela Delegacia de Rio das Ostras. A Polícia Civil não divulgou a foto do homem.

Fonte: Cidade24h

Deixe seu comentário

comentários

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *