Prefeitura de Rio das Ostras libera para a população o Programa de Castração Animal

O Programa realiza atendimento clínico gratuitamente. Foto: Mauricio Rocha
O Programa realiza atendimento clínico gratuitamente. Foto: Mauricio Rocha

Com o objetivo de reduzir o número de animais de rua e impedir a propagação de doenças, a Prefeitura de Rio das Ostras liberou, dentro do Programa de Saúde e Bem-Estar Animal (PSA), o Processo de Castração Animal para cães e gatos em toda Cidade. Os proprietários interessados devem fazer o cadastro na sede do PSA, no Fazenda Parque, no Âncora; ou na Secretaria de Meio-Ambiente, Agricultura e Pesca, no Parque dos Pássaros, levando comprovante de renda (até um salário mínimo), de residência e Carteira de Identidade.

De acordo com o veterinário responsável pelo programa, César Parreira, o Programa de Castração vai beneficiar muitas famílias. “É importante frisar que essas operações não têm limites de animais. Se uma família tiver três animais, por exemplo, e se enquadrar, poderá trazer todos que serão castrados. Vale lembrar que os animais devem ter até sete anos no máximo”, falou o veterinário.

PSA – O Programa de Saúde e Bem-Estar Animal é um Programa de Controle Populacional de cães e gatos abandonados, a população excedente de rua. Atualmente conta com 15 profissionais e efetua o recolhimento de animais em estado de sofrimento (abandonados, atropelados e com sarnas, por exemplo), além de fazer atendimento clínico gratuito a cães e gatos, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h. Depois de recolhidos, os animais são tratados, vermifugados, castrados e, depois, encaminhados para adoção.

O Programa também promove feiras de adoção de cães e gatos e palestras nas escolas para conscientização das pessoas sobre posse responsável e riscos de doenças transmitidas pelos animais.

Somente no primeiro semestre, o programa já efetuou mais de 400 atendimentos, cerca de 300 castrações e efetuou mais de 100 adoções.

Fonte: Ascom

Deixe seu comentário

comentários

Você também pode gostar...