XI Feira de Responsabilidade Social Começa Amanhã em Macaé

grc-feira-capa
O evento reúne empresas do setor privado, universidades e sociedade civil para repensar a questão da sustentabilidade na região da Bacia de Campos, buscando novas alternativas para uma gestão consciente de recursos. 
A tradicional Feira de Responsabilidade Social Empresarial da Bacia de Campos vai chegar a sua XI edição. O evento, que este ano terá como tema “Sustentabilidade no Mundo em Transição”, vai acontecer entre os dias 19 e 21 de junho, das 14 às 21h, na Cidade Universitária e contará com palestras, workshops e apresentações circenses (GRC).
O evento tem o apoio de diversas iniciativas públicas e privadas além da GRC, que fará uma apresentação circense com o objetivo de conscientizar o público sobre os preceitos da sustentabilidade no mundo de hoje.
A feira será realizada entre os dias 19 e 21 de junho na Cidade Universitária, das 14h às 22h. A Entrada é franca.

De acordo com informações, no primeiro dia do evento, terça-feira (19), haverá um Painel reunindo representantes empresariais e das universidades para discutirem meios de viabilizar uma contribuição mútua capaz de alavancar a inovação e o desenvolvimento regional, com o Projeto Repensando Macaé. Trata-se de uma iniciativa pioneira que conta com o apoio da Firjan e da Rede Petro Bacia de Campos, que também terá um espaço no Fórum do evento, para debater a sustentabilidade das pequenas e médias empresas.

Já na quarta-feira (20), a partir das 19 horas, acontecerá um Sarau de Poesias com autores de Macaé e região, e no último dia (21), quinta-feira, a XI Feira de RSE será encerrada com uma grande festa junina da Cidade Universitária, com a confraternização dos participantes, alunos e professores. Ainda estão previstos o Bazar de Dona Maria Klonowsk, a Feira da Gratidão, a Feira da Região Serrana, exposição de artes plásticas, etc.

Ainda de acordo com informações, entre as questões relevantes que serão debatidas na XI Feira de RSE Bacia de Campos, estão: inclusão social, uma nova agenda para o desenvolvimento, recursos hídricos, energias renováveis, agricultura orgânica, qualidade de vida, coleta seletiva, cidades inteligentes, democracia nas redes, sustentabilidade do meio e música, conhecimento – um ativo para a transição, voluntariado como prática cidadã.

Também no evento, uma pesquisadora do Nupem/UFRJ vai contar como foi a sua experiência na Antártica e, além da já consagrada Mostra Cenário Ambiental estarão presentes professores/pesquisadores e alunos do Núcleo em Ecologia e Desenvolvimento Socioambiental (Nupem/UFRJ) com a realização de workshops nos três dias do evento.

O idealizador da Feira, Martinho Santafé disse que o tema “Sustentabilidade no Mundo em Transição” propõe abordar os novos desafios propostos pelas tecnologias da Informação e da Comunicação que já estão provocando mudanças profundas – na verdade, uma verdadeira revolução nas relações econômicas e sociais, tendo como pano de fundo a preocupação global com as mudanças climáticas. “Para se ter uma ideia das consequências da chamada Quarta Revolução Industrial, especialistas de várias correntes do pensamento, entre eles, sociólogos, profissionais de relações humanas, cientistas sociais etc., já admitem que as profissões mais promissoras da próxima década ainda nem foram criadas, uma constatação que balança as estruturas da educação, das relações de trabalho e de vários outros segmentos da sociedade organizada. A pergunta que vamos fazer na XI Feira de RSE Bacia de Campos é, basicamente, esta: estamos nos preparando para essa nova realidade?”, explicou.

Martinho contou ainda que a XI Feira de RSE, naturalmente, também abordará outros temas da atualidade, como controle social e democracia nas redes, inclusão em áreas vulneráveis, uma nova agenda para o país, “Inovação e meio ambiente: Repensando Macaé” – projeto desenvolvido pela Comissão Municipal da Firjan que será apresentado no evento aos representantes das universidades, com vistas a uma futura parceria, entre outras questões relevante, resíduos sólidos: coleta seletiva e reciclagem, novas plataformas de ensino, e recursos hídricos, com especial atenção ao Rio Macaé, pois, segundo pesquisadores que vêm há anos acompanhando a sua degradação, poderá entrar em colapso de abastecimento até 2022 .

Sobre as expectativas, ele disse: “Como o evento já está bem consolidado em Macaé e região, as expectativas são as melhores possíveis, à medida que os atores envolvidos estão completamente engajados para o seu sucesso, contando com a participação de um público bastante diversificado – empresários, estudantes, professores, lideranças comunitárias, gestores públicos, inovadores sociais, entre outros”, concluiu.

Programação 

Terça-feira, 19 de junho

– 13h – Solenidade de Abertura.

– 14h40/15h20 – Palestra de Abertura: “Brasil 21 – Uma Nova Ética para o Desenvolvimento”.

José Chacon de Assis – Conselheiro da Federação das Associações de Engenheiros e Arquitetos do RJ e Coordenador Nacional do Movimento da Cidadania pelas Águas.

– 15h30/16h30 – Painel: “Inclusão em Áreas de Vulnerabilidade Social: a Experiência de Medellin”.

Marilena Garcia – Professora, ex-vice-prefeita e ex-secretária de Educação de Macaé.

– 16h40/18h10 – Painel:”Inovação, Desenvolvimento e Meio Ambiente: Repensando Macaé”.

José Walmir Moreira Dias (Comissão Municipal da Firjan), Saulo Bichara Mendonça, professor Adjunto da UFF, Pós Doutor em Direito pela UERJ e Doutor em Direito pela UVA, Ziney Marques, engenheiro e Mestre em Tecnologia, Newton Estevão de Amorim Neto, engenheiro atuando junto ao curso de Engenharia da UFRJ Campus Macaé, Martinho Santafé, jornalista, ambientalista.

– 18h15/19h – Palestra: “Ativando a Regeneração: Centros, Pessoas e Recursos”.

Thais Coral – Fundadora do Sinal do Vale e guardiã da RPPN Mário e Alba Corral. Inovadora social, reconhecida liderança internacional no campo da Sustentabilidade; mestre em Políticas Públicas (Universidade e Harvard).

Quarta-feira, 20 de junho

– 14h30/15h10 – Palestra: “Transparência, Sustentabilidade e Controle Social: Democracia nas Redes”.

Hamilton Garcia – Doutor em História, mestre em Ciência Política, professor e pesquisador do Centro de Ciências do Homem da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF).

– 15h15h/16h10 – Painel: “Novas Plataformas de Ensino e os Desafios do Século XXI”.

Palestrantes: Guto Garcia – Professor da UFRJ, ex-secretário de Educação e vereador de Macaé; Luciano Garcia Mangueira – Mestre em Sistemas de Gestão da Qualidade Total, Pós-Graduado em Análise, Projeto e Gerência de Sistemas e Bacharel em Ciência da Computação. Professor da FeMass e consultor em Gestão e Estratégia de Dados.

– 16h15/17h15 – Painel: “Resíduos Sólidos: Coleta Seletiva e Reciclagem”.

Maurício Passeado – Técnico de Meio Ambiente; Júlia Rolim Feitosa – Mestre em Engenharia Ambiental, coordenadora do Movimento Recicla Macaé; Jorge Vicente – Jornalista, bacharel em Direito, especialista em Marketing, pesquisador da questão dos resíduos sólidos e emprego, representando a UFF.

– 17h20/18h

Palestra: “Sustentabilidade do Meio & Música”. João Carlos Schettino de Castro – Técnico de Segurança no Trabalho da Petrobras/UO-BC.

Quinta-feira, 21 de junho

– 14h30/15h10 – Palestra: “Conhecimento: um ativo para a transição”.

Glauco Nader – Graduado em Ciências Econômicas, mestrado e doutorado em Planejamento Urbano e Regional.

– 15h15/16h – Palestra: “O Nupem/UFRJ na Antártica”.

Angélica Soares – Prof. Dra. do Núcleo em Ecologia e Desenvolvimento Socioambiental de Macaé (Nupem/UFRJ), participante da terceira fase da trigésima sexta Operação Antártica (OPERANTAR), realizada pela Marinha do Brasil.

– 16h10/16h50 – Palestra: “Voluntariado como Prática Cidadã: Projeto Compartilhar”

Leonardo Mesquita – Economista, atuou 29 anos na Petrobras como coordenador de Treinamento e durante dois anos exercendo a função de fiscal de Contratos de Hotelaria.

– 17h/17h40 – Palestra: “A Rede Petro e a Sustentabilidade das Pequenas e Médias Empresas da Região”.

Paulo Juris – Membro do Comitê Gestor da Rede Petro – Bacia de Campos.

– 17h50/18h30 – Palestra: “SOS Rio Macaé”.

Maurício Mussi Molisani – Professor/pesquisador do Nupem/UFRJ.

xi_feira_social
Serviço:
Local: Cidade Universitária de Macaé, em frente ao Shopping Plaza
Rua Aloisio da Silva Gomes, nº 50
Granja dos Cavaleiros – Macaé – RJ
Mais informações pelo Facebook oficial da feira: https://pt-br.facebook.com/FeiraRSEBC

Deixe seu comentário

comentários

Você também pode gostar...